EnglishPortugueseSpanish

Como não ser um turista sem noção

Praia do Rosa_Verao 2023
EnglishPortugueseSpanish

Ahhh, como é bom viajar! Conhecer lugares, disfrutar de um tempo livre de lazer, sol, praia, diversão…. Mas é nesses ocasiões que a gente se depara com uma parcela da população que ainda não se deu conta de que, quando em grandes grupos e populações, o ser humano precisa seguir certas diretrizes sociais para a boa convivência de todos.

É na alta temporada, na região da Praia do Rosa e de todo o Brasil que a gente encontra ele: O turista sem noção.

Por isso separamos algumas dicas para que você não passe esse papelão e seja um turista gente fina, aquele que todo mundo quer receber. O que causa o mínimo impacto.

Como ser um turista consciente

Seu lixo é seu!

Não importa por onde vá, traga de volta seu lixo sempre! Inclusive na beira da praia, onde você come utilizando copos, talheres descartáveis. O lixo que você coloca na lixeira pensando que está resolvendo o problema, acumula, transborda, atrai insetos e cachorros, deixando o espaço uma bagunça. Além disso, é muito comum que a maré suba durante a noite, levando todo o lixo das lixeiras diretamente para o mar, bem onde você vai tomar banho amanhã…

O serviço de coleta que é realizado nas praias de Garopaba e Imbituba não é suficiente para manter as areias limpas. Para a coisa funcionar, você faz o seu rolê e leva o seu lixo para sua casa, pousada, hotel…

Isso inclui cascas de frutas, que embora sejam biodegradáveis, afetam a vida natural e causam impacto visual negativo. Papel higiênico, guardanapos e bitucas estão incluídos nesta lista.

Para mais informações, confira a cartilha Faça seu rolê, leve seu lixo

Trilha não é banheiro

Muitas praias de Garopaba e Imbituba (SC) não contam com estrutura de banheiros. Se a vontade apertar, seja consciente: na praia, lagoa ou em lugares de água abundante, o local mais indicado para fazer xixi é na água. Para fazer o “número 2”, é necessário buscar um lugar longe da passagem de outras pessoas, longe da água e é essencial cavar um buraco de no mínimo 20cm para enterrar fezes e o papel higiênico (se for só xixi, é melhor nem usar papel!), cobrindo tudo depois que terminar.

Não seja um mala: ouça sua música você!

Música é bom né? Mas gosto musical é que nem… digital, cada um tem o seu! Nesta região vive uma grande variedade de espécies de aves. Ouvir seu canto acalma a mente, assim como ouvir o som do mar e o silêncio da natureza.

Não utilize caixas de som em áreas públicas. O impacto sonoro causa desconforto nas demais pessoas e também na vida do ambiente. Pode ter certeza que se você estiver com o som alto, sim, está incomodando alguém.

Saia a pé!

E “Jesus disse: Levanta-te e anda! E o homem andou!

A região de Garopaba e Imbituba tem excelentes opções de passeios a pé. Ninguém gosta de sair de casa para ficar parado no trânsito. O espaço é limitado, as ruas são estreitas e há poucas vagas de estacionamento. Sempre que possível, deixe seu carro em casa, na pousada ou longe da circulação das pessoas. Aproveite para conhecer melhor o local.

Seu cão, sua responsabilidade

Cachorro na praia e na lagoa é contra a lei. Você concordando ou não, a legislação existe. A região já tem um grande número de cachorros de rua, que têm pulgas e outras doenças. Frequentemente, eles brigam com os visitantes. Além disso, os cães fazem xixi onde lhes convém, o que causa vermes e os populares bicho de pé e bicho geográfico, bastante comuns nas pessoas e nos próprios animais.

Caso escolha levar seu melhor amigo com você, fique de olho nele e mantenha-o próximo de você! E claro, cocô e xixi do seu melhor amigo são de sua responsabilidade!

Respeite a população local

O local escolhido por você para passear é o mesmo lugar onde muitas pessoas vivem o restante do ano. Respeite a comunidade, seja gentil e educado. As pessoas trabalham para que você possa descansar. Dê preferência à população local no trânsito, em supermercados. Seja silencioso(a) nas ruas e também no seu local de hospedagem.

Trilhe com um Condutor ambiental local

Estar com um profissional com formação técnica e que conhece a região enriquece seu passeio do ponto de vista histórico e cultural, além de ser muito mais seguro. A região conta com diversos Condutores Ambientais formados, como a equipe do receptivo Trilha Ecoturismo e do Amo Garopaba Turismo.

A Secretaria de Turismo de Garopaba também disponibiliza uma lista com os contato de todos os profissionais da área. Contatos da Central: (48) 98831-2379 / (48) 98814-2095.

Não escreva nas árvores!

Declare seu amor de formas criativas. Escreva uma carta, declame um poema ao pé do ouvido. São tantas possibilidades… Mas deixe a natureza fora dessa! Ao cavar o tronco das árvores escrevendo, você causa lesões que atrapalham a circulação da seiva.

Cuide da vegetação

Não retire nada da vegetação. O que faz da natureza da região tão bela é justamente sua forma natural. Deixe o trabalho da mãe Terra acontecer sem interferência. Não arranque as flores do caminho. Ande somente pelas trilhas e locais demarcados. Preserve!

Fogueiras também causam impacto!

Evite ao máximo fazer fogueiras, ou eleja lugares próprios para tal. O fogo adoece o solo, mata os organismos vivos nele e deixa resíduos. Ao fazer uma fogueira, certifique-se que apagou completamente o fogo e retirou todas as madeiras e carvões que restaram. O ideal é que após uma fogueira, o local permaneça como se ela nunca tivesse acontecido.

Não esqueça de se cuidar

Às vezes, quando saímos de viagem, acabamos nos alimentando de coisas fáceis e rápidas, que não fazem bem ao nosso corpo. Cuidar do seu consumo, da sua saúde, também é cuidar do planeta.

Por Redação Colaborativa EcoLab

Para saber mais sobre a região acesse o Guia Saberes da Praia de Turismo Sustentável: Uma Revista digital com um pedacinho da história daqui!


Compartilhe com Amor:

contatos

WHATSAPP

(48) 991 100 690

Grupo News

Link para Grupo

E-MAIL

contato@saberesdapraia.com

Suporte Saberes
Enviar